sexta-feira, outubro 22, 2021
HomeCiênciaÉ recomendado prestar mais de um concurso ao mesmo tempo?

É recomendado prestar mais de um concurso ao mesmo tempo?

Com a nova temporada aberta de concursos públicos, muitos estudantes e até mesmo iniciantes acabam se perguntando se é recomendado escolher apenas uma área de estudo ou se arriscar em todas as provas.

O professor e gestor governamental ex-concursado, Luiz Antonio de Carvalho, decidiu deixar a carreira de ex-servidor público e continuar com o investimento da Educação.

Porém, agora a dedicação seria aplicar o conhecimento adquirido em futuros novos alunos com a Lac Concursos.

Além de expor seu conhecimento, o professor também costuma dar dicas de estudos e também sobre o mercado de trabalho para que os alunos tenham uma visão ampla do que estão buscando.

Uma das principais dúvidas na sala de aula é saber se é recomendado ou não prestar mais de um concurso ao mesmo tempo? Pois é, o professor salientou que é recomendado que os concurseiros tenham um foco de estudo, porém não um foco de prova, já que muitas das provas têm os blocos de estudo básico como Língua Portuguesa, Matemática e Informática. E, aí depois os conhecimentos específicos que varia de um concurso para o outro.

Neste ano, por exemplo, tem os concursos da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Universidade Federal de Rondonópolis (UFR), Banco do Brasil, Câmara Municipal de Cuiabá e mais o processo seletivo de Várzea Grande. No caso, do conhecimento específico do Banco do Brasil entraria estudos focados na área bancária, vendas, negociações e mercado financeiro.

“Recomendo que para quem esteja começando faça as inscrições de todos os concursos porque o valor da taxa é baixo e o aluno tem um tempo para estudar o conhecimento específico de uma prova para a outra. E, se você analisar o perfil de concurseiro, ele estuda para todos porque esse é o caminho para mudar de vida”, observou.

Outra dúvida bem pontuada dentro de sala de aula é como começar a rotina de estudos.

O professor garante que a maneira de estudo depende muito de onde o candidato está partindo, já que não existe uma fórmula única para uma pessoa estudar. De modo geral, ele sugere que o candidato comece com cursinhos, já que prepara o aluno para as provas
e foca os estudos no que se deve fazer para passar em um concurso público.

“Sempre digo que o aluno que nunca desiste, ele tem 100% de probabilidade de ser aprovado. E, nós direcionamos e queremos acima de tudo ver o aluno do professor Luiz Antonio transcender a aprovação e obter êxito não só no resultado de suas provas, mas no exercício da sua profissão, e na sua vida”, finalizou.

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments