terça-feira, abril 13, 2021
Home Destaque principal Ministros do TCU declaram apoio ao projeto Independência Indígena- MT

Ministros do TCU declaram apoio ao projeto Independência Indígena- MT

Na tarde de quarta-feira (27), o superintendente de assuntos indígenas de Mato Gosso, Agnado Santos, participou de audiência no Tribunal de Contas da União (TCU), com os ministros; Algusto Nardes, Raimundo Carreiro e Jorge Oliveira.

Durante a audiência, os ministros se comprometeram em buscar apoio para regulamentação da agricultura em terras indígenas junto ao presidente da República.

O ministro Augusto Nardes, evidenciou o apoio à regulamentação da produção em terras indígenas. “Estamos encaminhando as demandas ao presidente Bolsonaro e esperamos que seja regulamentada a questão da agricultura em terras indígenas, para que possamos normatizar através do Tribunal de Contas, para que os bancos também possam ofertar financiamentos para os produtores indígenas, pois eles também precisam alimentar sua família e seu povo”, destacou.

O superintendente Agnado Santos, aproveitou a oportunidade para apresentar os trabalhos desenvolvidos nos últimos meses, destacando o plantio de arroz do povo Xavante em Primavera do Leste.

“Hoje precisamos buscar inventivo para todos os povos indígenas do país, pois a realidade é a mesma em todo país. Temos inúmeros indígenas vivendo a beira da miséria. Promover a autonomia produtiva e fornecer subsídios para que possam produzir é decisivo para a mudança dessa realidade”, explicou o superintendente.

O superintendente comentou ainda sobre o protagonismo dos povos Parecis que inspirou o povo xavante para independência produtiva e consequentemente outros povos por todo estado como os Bakaeri de Santana que estão plantando 100 hectares de arroz.

Também participaram da audiência, Ademil Iamexi – líder da terra Indígena Tirecatinga e Ronaldo Zokezomaiake, liderança Haliti Paeesi.

Projeto Independência Indígena
O Independência Indígena é resultado de uma parceria entre o Sindicato Rural de Primavera do Leste, Governo de Mato Grosso e Fundação Nacional do Índio (Funai).

Ao todo serão beneficiados 2.700 mil xavantes de 57 aldeias situadas na terra indígena que abrange os municípios de Primavera, Poxoréu, General Carneiro e Novo São Joaquim. A área a ser utilizada para o plantio é de 999 hectares.

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments