quarta-feira, abril 14, 2021
Home Destaque Projeto é adiado e MT não antecipará feriado nesta semana

Projeto é adiado e MT não antecipará feriado nesta semana

O Governo do Estado decidiu adiar o encaminhamento do projeto de lei que visa antecipar feriados em Mato Grosso de modo a conter a proliferação do novo coronavírus.

O texto seria encaminhado à Assembleia Legislativa para ser apreciado ainda na manhã desta segunda-feira (22). Ocorre que, em uma conversa com o setor produtivo, Mendes decidiu que não irá antecipar nenhum feriado para esta semana.

A previsão inicial era de que na quarta, quinta e sexta-feira (24, 25 e 26) e nos dias 1 e 2 de abril fossem decretados feriados. A intenção era para que aumentasse o isolamento social e assim a circulação do vírus diminuísse.

Durante as reuniões, conseguimos o compromisso do governo de que não serão decretados feriados antes da próxima sexta-feira
“Durante as reuniões, conseguimos o compromisso do Governo de que não serão decretados feriados antes da próxima sexta-feira (26/03)”, disse o presidente do Sistema Fiemt, Gustavo de Oliveira por meio de nota.

Reunião para novas medidas

Uma reunião para discutir um novo projeto sobre antecipação de feriados e até novas medidas será realizada junto ao Legislativo às 16h, desta segunda-feira.

De acordo com o primeiro-secretário da Assembleia, Eduardo Botelho (DEM), todas as possibilidades, seja lockdown total ou prorrogação de feriados, serão pautadas no encontro.

“Vamos discutir outras possibilidades e debater o que será mais eficaz para conter a disseminação do vírus”, afirmou o parlamentar ao MidiaNews.

Por meio de nota, o governador Mauro Mendes afirmou que irá anunciar “medidas mais efetivas” para conter a proliferação do vírus no Estado nesta terça-feira (23).

Mendes, no entanto, não adiantou quais e nem o horário que serão divulgadas as informações.

Atualmente, está em vigor o decreto que – entre outras medidas – estipula o toque de recolher das 21h às 05, e proíbe atividades comerciais de portas abertas após às 19h.

Fonte: Midia News

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments