sexta-feira, outubro 22, 2021
HomeDestaqueCuiabá não assina carta contra o Flamengo e espera ter torcida a...

Cuiabá não assina carta contra o Flamengo e espera ter torcida a partir de 2 outubro

O Cuiabá se recusou a assinar uma ação proposta por 17 clubes que disputam o Campeonato Brasileiro da Série A e entregue na noite de sexta-feira ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD)  contra o Flamengo que conseguiu o direito de ter a presença de sua torcida nos jogos do Campeonato Brasileiro.

Juntamente com o Atlético-MG, o Cuiabá espera um encontro entre os clubes e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) no dia 28 de setembro para garantir a volta do público a partir de 2 de outubro.

O Atlético-MG em sua justificativa para não assinar a ação contra o clube carioca explicou que já entrou com uma ação semelhante a do Flamengo na Justiça de Minas Gerais e que aguarda a aprovação para  ter a volta de sua torcida.

Já os dirigentes do Cuiabá, contactados na noite de sexta-feira logo após a chegada a Caxias do Sul, onde o time enfrenta o Juventude na tarde deste sábado informou que decidiu, neste momento, não aderir à ação em conjunto dos clubes para anular o pedido de liminar para receber púbicos nos estádios por parte do Flamengo. Segundo um dirigente cuiabanista, já existem condições sanitárias para a retomada da torcida, mas o Cuiabá prefere aguardar uma posição do encontro entre os clubes e a C BF marcada para 28 de setembro. Neste encontro, o clube espera que haja consenso para a liberação das torcidas a partir de 2 de outubro.

A intenção de todos os clubes da Série A é que o Brasileirão só possa voltar a ter público nos estádios quando esta for uma condição igual a todos os participantes.

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments