sexta-feira, abril 16, 2021
Home Policial Suspeito preso pela morte de diretora do Sanear é solto por falta...

Suspeito preso pela morte de diretora do Sanear é solto por falta de provas

Redação

O homem que foi detido neste domingo (17) por suspeita de ter envolvimento na execução que vitimou a presidente do Sanear de Rondonópolis (216 km de Cuiabá), Terezinha Silva de Souza, foi solto na manhã desta segunda-feira (18) após falta de evidências que comprovassem sua participação no crime.

Segundo a PJC, a pessoa detida pela Polícia Militar tem características físicas distintas dos suspeitos que atiraram contra a diretora da Sanear. Assim também como a moto apreendida pelos policiais militares na residência da pessoa conduzida é diferente da utilizada pelos atiradores. O homem, de 38 anos, havia sido foi preso após uma denúncia anônima.

Terezinha foi morta com diversos tiros na cabeça e tórax na última sexta-feira (15), enquanto ia para o trabalho. Dois homens em uma moto são suspeitos de serem os autores do crime.

As investigações sobre o homicídio seguem sendo conduzidas pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments