sábado, abril 10, 2021
Home Covid-19 Profissionais da linha de frente se sentem fortalecidos com a vacina

Profissionais da linha de frente se sentem fortalecidos com a vacina

Redação

O dia 18 de janeiro de 2021 ficará marcado na história de Mato Grosso. A data registra a chegada do primeiro lote da vacina contra a Covid-19 no estado, que recebeu 126.160 doses para imunizar mais de 60 mil pessoas, com duas aplicações em cada cidadão.

No mesmo dia em que o Governo do Estado recebeu o primeiro lote da vacina CoronaVac, profissionais das unidades estaduais de saúde como o Hospital Metropolitano em Várzea Grande, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o Hospital Estadual Santa Casa, na capital, receberam a primeira dose do imunizante. Essas unidades integram a linha de frente do combate ao coronavírus.

A técnica de enfermagem Luiza Batista de Almeida Silva trabalha na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid-19 do Hospital Metropolitano e foi a primeira a ser vacinada. Passados três dias da aplicação, Luiza relata a alegria de receber a vacina e de não sentir qualquer reação. A profissional fala do sentimento de esperança e acredita que, aos poucos, o mundo voltará ao normal.

“Hoje tenho a alegria de saber que tudo está chegando ao fim e que realmente podemos respirar a vitória. Espero mesmo que todas as pessoas possam tomar essa vacina, para que não se contaminem e nem sejam internadas em um hospital”, disse a técnica de enfermagem.

A enfermeira Luciele Fernanda Benin também foi vacinada no dia 18 de janeiro e relata que está bem e sem nenhum efeito colateral. “Estou muito mais esperançosa em dias melhores e trabalhando com mais tranquilidade na linha de frente da Covid-19, no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e no transporte aeromédico de pacientes”.

Já o enfermeiro Joel da Silva Rodrigues trabalha no Hospital Estadual Santa Casa e também recebeu a primeira dose da vacina na última segunda-feira (18). Ele relata que está bem e muito mais fortalecido e confiante para continuar o seu trabalho. “Estou emocionado e muito feliz pelo privilégio de ser vacinado”, disse ao também apelar para que todos se vacinem.

De acordo com o planejamento nacional da primeira fase da vacinação, o lote recebido no dia 18 possibilitará a vacinação de 34% do total previsto para os trabalhadores da saúde.

Nessa primeira etapa e de acordo com o direcionamento do Ministério da Saúde, serão contemplados os trabalhadores da saúde que atuam na linha de frente do combate ao coronavírus, pessoas idosas com 60 anos ou mais que vivem em asilos ou instituições psiquiátricas, pessoas com deficiência que vivem em instituições e indígenas aldeados.

O Estado de Mato Grosso vai garantir as duas doses da vacina ao grupo prioritário compreendido nesta fase, sendo o prazo de 14 a 28 dias para a aplicação da segunda dose.

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments